domingo, 2 de maio de 2010

Semana de Treino

Uma das coisas que me lembro sempre quando estou treinando para o Iron é aquela frase, mais ou menos assim, "difícil não é ultrapassar a linha de chegada, mas chegar na linha de partida".

Hoje, nas seis horas de pedal no Riacho, com aquelas subidas encardidas, quando dei uma quebrada e ainda faltavam muito tempo para terminar o treino, pensei como a disciplina mental é fundamental - aliás, muito mais importante que o próprio fitness.

A semana começou um treino de velocidade no Campo de Marte, com tiros de 400 metros e esforço mais moderado em percurso de 2 km. Eu poderia até dizer que o pedal pesado de domingo atrapalhou o treino e que isso seria o esperado. Mas isso não aconteceu. Continua a me surpreender como o corpo humano, quando estimulado, é capaz de responder a esse tipo de desafio.

Afinal, como um sujeito que pedala quase 180 km forte no dia anterior é capaz de fazer um treino de velocidade de 12 km no dia seguinte? E o descanso? E o risco de contusão, de se machucar?E isso? E aquilo?

Não sei...só sei que, como diz a Chrissie, eu só obedeço ordens.

Mal termina o treino de velocidade segunda-feira, na manhã seguinte já estou no rolo. Cansado, é verdade, mas consegui fazer um bom treino de uma hora e dez minutos no Big Gear. Mas tem lógica: domingo endurance, segunda velocidade e terça força...

No mesmo dia, fui nadar a noite na Runner. Treino de 3.200 metros moderado/forte dividido em percursos de 50 metros. É difícil mas é fácil ;-))

Na quarta-feira, longão de 2:30, com os últimos 50 metros em ritmo moderado. Desde do Iron não usava o cinto de hidratação, mas correr no Campo de Marte essa distância não dá. Apesar do cansaço que senti depois em função dos treinos que foram se acumulando durante a semana, devo confessar que apesar de não fazer isso sempre, a hidratação com glicodry dá outra qualidade ao treino.

Quinta-feira, voltei ao rolo pela manhã. 1 hora de treino em ritmos fácil, moderado e forte, mas cadência de prova. Tentei controlar a força nos últimos 20 minutos fortes e consegui um treino eficiente. A noite, nadei apenas 1.500 metros, com tiros de 25 metros e estimulo forte com palmar. Já reparei que na quinta-feira o coach peda leve, na linha "treino também é descanso".

Sexta-feira, 4 km divididos em 1km moderado/forte. Consegui fazer todos na casa dos 19 ou 20 minutos, mantendo o padrão da semana anterior. Esse treino dói, mas dói muito....

Sábado, como era feriado, fui pedalar no Riacho Grande porque a USP estava fechada. Como terminei com as aulas na PUC, o coach passou um longuinho mais caprichado. Eram 2:30 de pedal e 70 minutos de corrida. A idéia era, na última parte do pedal, pegar pesado no Coroão para simular as pernas cansadas e correr depois.

Como estou acostumado com cadência baixa, é difícil pra mim deixar as pernas cansadas, mesmo no Riacho. Então, fiz o treino todo bem puxado e no final foi um TT. Mas sai para correr sem problemas e consegui correr com velocidade moderada mesmo naquelas subidas todas...

Domingo, foi o longo de seis horas. No meu velocimetro, que desconfio estar errado, deu 172 km - um pouco menos que semana passada (174 km). Desta vez me preveni com mais glicodry, mas agora até sobrou! Levei também três bisnagas com bananinha, mas só consumi duas. Além de não ter sentido muita falta, meu estômago reclamou um pouco de tanto Glicodry.

Ah, e levei também BCAA como tomar em cima da bike.

Como terei ainda pelo menos dois longos de bike, preciso testar outros alimentos também. Se tudo der errado, fico com o mesmo do ano passado (Glicodry e as tais bisnagas).

Bem, semana que vem os treinos ficam um pouco mais difíceis...acabou de chegar a planilha e segunda-feira são 15 km....

5 comentários:

Xampa disse...

Fala Bessa.
Bela semaninha, hehehehe.
Tb confesso, levando em conta as proporções, uma dificuldade em só tomar gel no longo de corrida. Vai enjoando de uma maneira ....
Nas ultimas semanas, tenho comido paçoca sem açúcar ao chegar em casa, já pensei em fazer isso no treino. Talvez funcione. Já ouvi historia de levar purê de batatas no porta gel. Pode ser uma opção tb.
Boa semana.

Pati Gomes disse...

Darling,

Dentro da minha ignorância sobre o assunto, só tenho a te parabenizar pela semana consistente de treinos! Vejo que, apesar de estar chegando o grande dia, você tá calmo, concentrado. E como você diz: para quem tá dando duro, nada será problema!
Beijo grande, Pati.

Joel dos Santos Leitão disse...

Vagner, venho aqui no seu blog para dizer que o comentário que você fez no meu blog em 15 de janeiro de 2010, me alertando sobre eu ser um 'corredor puro', exerceu papel fundamental em tudo que fiz dali em diante. Como você deve ter percebido, não consigo parar em Assessoria Esportiva alguma, não consigo seguir planilhas, enfim, vou errando e acertando. Vou aprendendo com os relatos desse seu treino de domingo, com o relato do Kleber, do Edu, enfim, vou aprendendo... e seguindo outro comentário que você fez nessa postagem, mas que também já havia feito antes, se não me engano para a PatGomes1, segundo o qual o lado psicológico é tão ou mais importante quanto o físico. Valeu pela força! Há uma parcela sua nessa minha vitória pessoal. Forte abraço!
@JoelMaratonista

Xampa disse...

Joel,
tb não consigo trabalhar com as Assessorias. Acho que são boas para fazer social, mas custam caro. Prefiro guardar o dinheiro.

Joka disse...

É broca !!! Mas o resultado é fenomenal man...rs. Bons treinos guerreiro.